Saber Viver

Comer fora #13 | The Aroma

8 Nov , 2016  

Fui jantar ao The Aroma a convite da Zomato. Estava bastante curiosa para conhecer o espaço e não fiquei desapontada, pelo contrário.

 

IMG_20161015_204924-01


Este restaurante é daquelas pérolas recentes na cidade, que está (literalmente) bem escondida. Situa-se no Beato e a visita vale bem a pena, a todos os níveis.

 

IMG_20161015_204626-01

Inserida numa arquitectura esplêndida do século XIX, com um pé direito generoso e umas arcadas deslumbrantes, a decoração é cinco estrelas, repleta de pormenores interessantes e pautada por peças vintage autênticas que dão ao espaço um equilíbrio muito bem conseguido, entre o amplo e o acolhedor.

 

IMG_20161015_204903-01
Sem esquecer a iluminação intimista, que juntamente com a melhor das bandas sonoras que ouvi num restaurante ultimamente, (uau!! não era kizomba!!), criam o ambiente ideal para um jantar romântico ou descontraído, entre amigos ou família. Sim, porque aqui sentimo-nos em casa. Além da atmosfera envolvente, o atendimento é de uma extrema simpatia.

 

IMG_20161015_235705-01

O menu é variado, onde a genuína gastronomia portuguesa é a protagonista. Pelo que fui descobrindo ao longo da refeição, tudo o que compõe os pratos é escolhido a dedo, ingredientes de primeira, caseiros e com muitos produtos feitos na herdade alentejana do proprietário. Queijinhos, enchidos, compotas, o azeite e ainda o vinho, foram alguns deles. Estes estão também disponíveis para compra no estabelecimento.

IMG_20161015_205248-1-01

Para começar, provámos o tal queijo e azeite de produtor, que nos foi servido com pão caseiro em forno de lenha, quentinho e fofo, algo raro em Lisboa, não?

IMG_20161015_205655-01
Em seguida vieram os principais, para ele, foi um bife com molho gorgonzola e batata frita. A carne da melhor, também de produtor, estava no ponto, tal como o molho que a acompanhava. Para mim, foi polvo no forno com azeite, que estava divinal, com umas batatinhas deliciosas mergulhadas no generoso azeite temperado de alho. As doses vêm bem servidas. Para beber, pedimos o vinho tinto da casa, que era muito agradável.

IMG_20161015_210137-01

 

IMG_20161015_210220-01

IMG_20161015_210304-01
As sobremesas também feitas à antiga e com ingredientes de primeira, foram igualmente boas. Para mim, um guloso leite creme, queimado no momento, com leite da Herdade. Para ele, uma panacotta, com triângulo de compotas lá do sítio, tomate; abóbora com amêndoa e amoras a sério. Maravilha!

IMG_20161015_215144-01

 

IMG_20161015_214727-01

 

IMG_20161015_214853-01

Quando estávamos prestes a terminar, tivemos a oportunidade de saber mais um pouco sobre esta pérola, com o proprietário, ou o Chefe, já que Renato o é nos dois sentidos, na cozinha é também ele que dita as regras. De uma simpatia inigualável, falou-nos da sua paixão pela cozinha Portuguesa, explicou a interessante história do The Aroma e do espaço. Revelou-nos mais alguns pormenores sobre a origem e selecção dos produtos que utiliza e as suas receitas. Ficámos a saber que além de fado podemos também assistir a concertos de jazz.

Ouvi dizer que o cozido à portuguesa é só um dos melhores da cidade…

A repetir e repetir! Motivos não faltam para ir ao The Aroma – Bistrô & Café.

 

The Aroma - Bistrô & Café Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

Comments

comments

, , ,